Notícias

27/11/2013
BRASIL DESPERDIÇA ENERGIA MESMO DURANTE HORÁRIO DE VERÃO
por ABESCO

Segundo matéria divulgada no dia 8 de novembro pelo jornal Bom Dia Brasil, da TV Globo, dados do governo federal indicam que a economia projetada para o horário de verão equivale ao consumo mensal de energia de uma cidade como Brasília.

Mas de nada adianta essa projeção se as pessoas não tiverem consciência sobre a importância de se fazer um bom uso da energia. “É preciso criar uma cultura de economia e do uso racional da energia no Brasil”, afirma o presidente da Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Conservação de Energia (ABESCO), José Starosta.

A reportagem teve como base a contagem de várias luzes acesas durante a noite na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, enquanto as salas estavam vazias, e apontou que o consumo de energia de duas salas com luzes acesas durante 14 horas equivale ao consumo de uma residência de família de baixa renda durante todo o dia.

De acordo com José Starosta, o potencial de economia no Brasil é de 10% de toda energia gerada pelo país durante um ano, o que equivale a uma economia de R$ 13,84 bilhões.

Ciente deste fato, a ABESCO reforça a importância de realizar investimentos em projetos de eficiência energética no Brasil, considerados usinas “virtuais” de energia, na medida em que eles simplesmente reaproveitam uma força que já foi gerada. A Associação tem realizado reuniões frequentes com representantes de bancos e agências de fomento, no sentido de facilitar o financiamento deste tipo de projeto.

É importante reafirmar também que o financiamento desta atividade tem que ser acompanhado por políticas públicas de conscientização da população. “Não adianta desligar lâmpadas, substituir equipamentos de indústrias e prédios comerciais se não houver um projeto de conscientização da sociedade. Estamos lidando com um bem que é finito”, conclui Starosta.